Adj.: Diz-se do estilo que não tem excessos nem redundâncias; elegante

Arquivo para Abril de 2011

Qualquer pessoa que leia o meu blogue reconhecerá uma certa aversão à omnipresença dos media na sociedade contemporânea e aos efeitos perversos que isso tem na qualidade da democracia. Não quer isto dizer que não haja jornalistas sérios, mas antes que o ambiente geral puxa mais para a mediocridade do que para a excelência. Eis […]

Continuar a Ler »

Prosseguindo a reflexão que tenho vindo a fazer sobre o actual período eleitoral, constato com estupor que o PS tem estado a subir nas intenções de voto, enquanto a alternativa mais plausível (PSD) parece estar a perder terreno. Bem sei que a máquina de propaganda socialista tem andado muito activa a repetir até à exaustão […]

Continuar a Ler »

Há cerca de ano e meio fiz uma entrada sobre localização e quero agora voltar ao tema. Há umas semanas estive nas “Jornadas de Línguas Aplicadas” na Universidade do Minho e tive ocasião de voltar a debater o tema com especialistas de legendagem. Verifiquei que consideram as minhas opiniões demasiado radicais. Volto pois ao ataque. […]

Continuar a Ler »

Na minha anterior entrada sobre este assunto, escrita ontem, dei vários exemplos de ataques pessoais soezes feitos a políticos de direita, nomeadamente a Paulo Portas. Não me esqueço, é claro que este mesmo Portas teve nos anos 8o do século passado uma actuação enquanto sub-director e director do “Independente”, que foi uma espécie de escola […]

Continuar a Ler »

O meu companheiro de debate no Machina Enxuta tem falado muito acerca dos problemas da fulanização em política, a propósito da forma como tem sido atacado o actual secretário-geral do PS. Pois a mim a questão incomoda-me sobretudo por ser uma característica geral da política em Portugal. Se o PS fosse inocente nesta matéria, bem poderia […]

Continuar a Ler »

Machina Enxuta número dois

12 de Abril, 2011 por Miguel RM

Aqui segue o debate de hoje de manhã, um pouco mais acalorado do que o habitual. Estamos a conseguir, paulatinamente, encurtar o tempo. Ainda havemos de chegar aos almejados 15 minutos.

Continuar a Ler »

O espectáculo dado pelo PS em Matosinhos fez-me lembrar a actuação pouco cívica dos dirigentes do Benfica no final do jogo com o Porto que ditou a sorte da I. Liga de futebol. A esse propósito, subscrevo as palavras escritas por um benfiquista como eu na entrada “Estádio das Luzes“. Não quero parecer paranoico, mas […]

Continuar a Ler »

Permitam-me, por breves instantes, voltar à minha área de especialidade para falar de um assunto que há muito me preocupa: tenho lido nos jornais muitas vezes artigos sobre um crime que se chama “participação económica em negócio“. Serei eu a única pessoa que acha estranha esta designação? Que raio de país é este  que plasma na […]

Continuar a Ler »

Conforme prometido, continuo a dar ligações a outros artigos de comentadores que aprecio: Ao contrário do asno, de Paulo Tunhas Nobre povo, de Ricardo Rio Este tem-nos no sítio, de Rui Rocha (vídeo com uma das poucas intervenções dissonantes no Congresso do PS)

Continuar a Ler »

Os activistas pró-PS já começaram a atirar lama a Fernando Nobre, como seria de esperar. Aqui saio pois em sua defesa. Não votei nele, até abandonei um movimento a que pertencia (MIL) em protesto por o ter apoiado sem consultar os aderentes, mas tenho de ser justo: Fernando Nobre tem todo o direito de ser independente, […]

Continuar a Ler »