Adj.: Diz-se do estilo que não tem excessos nem redundâncias; elegante

Arquivo para Junho de 2008

O ILTEC comemora 20 anos

27 de Junho, 2008 por Miguel RM

O Instituto de Linguística Técnica e Computacional (ILTEC) realiza no início da próxima semana um Encontro com intervenções muito interessantes sobre língua portuguesa. Uma oportunidade excelente para melhorar a qualidade do debate sobre a língua portuguesa.

Continuar a Ler »

Mais uma vez, no blogue De Rerum Natura, nos comentários a um artigo de 25 de Junho intitulado “Ortografia e Democracia”, Desidério Murcho diz: «As normas existem em muitas áreas, e não são legisladas. Mesmo no caso da linguagem, não há normas gramaticais legisladas, mas não deixa de haver normas por causa disso. Em filosofia ou […]

Continuar a Ler »

O ministro da Cultura do Brasil deu uma entrevista ao Diário do Alentejo (aqui citado pelo Ciberdúvidas) em que propõe uma perspectiva interessante sobre o acordo ortográfico. Chamo sobretudo a atenção das pessoas que querem defender a língua portuguesa e julgam estar a fazê-lo assinando uma petição isolacionista e aliando-se a reacções xenófobas que as […]

Continuar a Ler »

Já aqui referi algumas incoerências da língua portuguesa relacionadas com os topónimos estrangeiros. Hoje vou tentar comentar um aspecto importante que muito contribui para tais incoerências: o aportuguesamento ou melhor dizendo, os excessos de aportuguesamento. Já trabalhei em várias comissões destinadas a tentar uniformizar as designações portuguesas de nomes geográficos estrangeiros e tentei sempre nos […]

Continuar a Ler »

Tenho citado várias vezes o Ciberdúvidas e hoje vou explicar por que motivo o considero um dos melhores instrumentos de apoio aos linguistas  portugueses e lusófonos.  Uma das características que mais aprecio  no que vai publicando é a sua grande democraticidade, a sua grande abertura à enorme diversidade de opiniões  que existe nesta área. Em […]

Continuar a Ler »

No blogue De Rerum Natura, Desidério Murcho publicou ontem um interessante artigo em que critica acertadamente o isolacionismo português e brasileiro. Infelizmente, no mesmo artigo, diz concordar com João Roque Dias, meu colega de profissão que tem apresentado críticas catastrofistas ao acordo ortográfico; essa postura catastrofista foi aliás visível na participação que teve no programa […]

Continuar a Ler »

João Manuel Maia Alves enviou-me mais um interessante artigo, desta vez sobre a sua experiência com a língua portuguesa em Moçambique. Como praticamente não conheço os paises africanos de língua oficial portuguesa, aproveito este testemunho pessoal com o qual me identifico bastante. Um  dos argumentos expostos por alguns críticos do acordo ortográfico (nomeadamente Vasco Graça Moura […]

Continuar a Ler »

O Ministro dos Negócios Estrangeiros anunciou novamente que o governo vai lançar uma série de medidas para melhorar a nossa política da língua. O excelente Ciberdúvidas dá uma série de informações sobre o assunto. Como sempre afirmei, nomeadamente durante a polémica em torno do acordo ortográfico, todas as boas vontades são poucas para colaborar neste objectivo nacional […]

Continuar a Ler »

Ainda os topónimos

14 de Junho, 2008 por Miguel RM

Uma das coisas que aprecio no artigo de João Manuel Maia Alves que assinalei ontem é o facto de nos indicar vários casos de aportuguesamentos em que quem introduziu unilateralmente alterações foi Portugal e não o Brasil. Seja como for, há obviamente na língua portuguesa, como em todas as línguas, algumas incoerências nas designações geográficas. […]

Continuar a Ler »

João Manuel Maia Alves enviou-me um interessante artigo sobre este assunto que publicou no respectivo blogue, que já se encontra assinalado aqui no Enxuto. Concordo com a perspectiva defendida, que assenta em posições moderadas e sensatas. Agradeço e prometo fazer amanhã ou depois mais comentários.

Continuar a Ler »